terça-feira, 27 de fevereiro de 2007

Pérolas da minha infância ainda mais remota

Descobrindo novas palavras da pior forma possível:
-Alô! (voz de criança)
-É da residência do seu Dantas?
-Não! É da casa dele. (ênfase infantil)
Pausa complacente.
-Ele está?
-Não! Só chega à noite.
-Eu ligo depois.
Saiu sorrindo para contar pra mãe a pergunta absurda que aquele homem estúpido fizera.

5 comentários:

Osmar disse...

hahahahahaha

Luana disse...

isso tem algo haver com vc?

Rosa disse...

"Diga que sobrinha-neta-rainha-das-pérolas-Thaís tens que eu te direi quem és."
Hitler

Gustavo Pereira disse...

fui ver quem era vc e descobri q era vc! q legal... e o seu blog tb: mt legal; gostei bastante, especialmente desse post.

andrevonheldsoares disse...

Haha!